Crowdbusiness

Coisas que eu não uso mais

Sala de cocriação

O objetivo inicial não é trocar A por B simplesmente. O grande segredo é cadastrar qualquer coisa que você tenha e não utiliza. Com isso incentivamos as pessoas a cadastrarem as suas tralhas.

Quanto mais tralhas cadastradas, mais pontos (reputação/ranking/badges) ela ganha.

Exemplo: -OWWWWW FULANO é um brechó em pessoa! -Objeto de desejo! 10 pessoas curtiram o seu XXXXXXXX. (Ver pessoas).

Cenário: FULANO quer o SEU vinil do AC/DC! Veja o que ele te dar em troca: Um livro do Steve Jobs + Uma Lanterna. ou Um telefone sem fio. ou Um fone de ouvido + um carregador de iPhone. Aceitar ou Negociar (ver os produtos dele).

Eu vejo que no Brasil a cultura de consumo cooperativo ainda é muito fraca.

Inspirado em: http://www.ted.com/talks/lang/pt-br/rachelbotsmanthecaseforcollaborativeconsumption.html

Gostou desta ideia? Talvez você curta estas também =)

  1. Coautoria Literária

    Iniciada por Roni Branco

    Existem sites de cocriação de produtos, como o www.quirky.com, e minha ideia é: porque estes produtos não podem ser livros? Esta é à base da ideia, criação colaborativa de li...

    CrowdbusinessCrowdbusiness
    • 0
  2. FEIRA DE TROCAS

    Iniciada por Sandra Chaves

    Para cada encontro programado neste Festival de Idéias, e em outros eventos, com grande movimentação de pessoas, vamos colocar uma bancada com objetos, que nós estamos dispostos...

    CrowdbusinessCrowdbusiness
    • 7
  3. MMO com foco em ensinar e gerar renda para professores e outros prof.

    Iniciada por Rodrigo Rocha De Souza

    Ajudando a ensinar usando jogos online. Criar um jogo de MMO online igual os mais famosos do mercado mundial porem com um diferencial. O jogo da pontos, poder e premios pa...

    Redes de AprendizagemRedes de Aprendizagem
    • 0
Gostou

Colabore com referências e mais informações para o desenvolvimento desta ideia. Ajude a elaborar as necessidades e próximos passos!

Você precisa fazer login para poder colaborar.

Picture?type=square
Publicada há mais de 1 ano

Olá Guilherme! Desculpe a invasão. Posso estar chovendo no molhado, mas você já ouviur falar no Freecycle? freecycle.org Acho que teu projeto dialoga bastante com a rede. é um movimento internacional, gerido localmente (cada região, cidade e/ou bairro - dependendo da dimensão) cria seu próprio grupo. Nesta rede, o objetivo é doar mesmo, desapegar. No Brasil, a maior parte das plataformas fira pelo yahoogrupos. No Reino Unido, há um software (que também opera pelo yahoogrupos), mas que é bem mais funcional e desenvolvido. Em Campinas, criamos um grupo pelo Facebook, que tem funcionado super bem. https://www.facebook.com/groups/288617551194194/ E pelo grupo de Campinas, digo que o boca a boa foi o que funcionou melhor!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Legal, Guilherme! Gosto muito deste tipo de iniciativa... Aqui no meu prédio, tentei estimular isso pelo www.descolaai.com.br, mas a cultura da troca é bastante fraca... as pessoas desconfiam bastante, e tem vergonha de expor suas coisas... Elas preferem dar (para a faxineira por ex) ou vender (pelo mercado livre, pra quem já está mais na 'pegada'). Como você pensa na mobilização para esse tipo de atitude?

Responder
Picture?type=square
Publicada há 2 anos atrás

Cristina Yoshida Fernandes Eu acredito que devemos encorajar as pessoas a cadastrarem o que não usam mais. Isso já quebra a vergonha. Quanto mais coisa a pessoa tem cadastrada, mais poder de troca ela vai ter. A localização é importante. Cada pessoa tem uma "Área de cobertura". Eu frequento uns 6 bairros no meu cotidiano divididos em 2 cidades, por exemplo.

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Outra coisa - pensei em um aplicativo/plataforma que pudesse ser customizado para condomínios/vilas/etc... Onde as pessoas já estabeleceram laços de confiança (ou não! rsrs), além de não terem custo com transporte. Que acha?

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Tenho muita tranqueira para trocar!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Guilherme, Bruno e Cia já existe uma proposta muito parecida com essa no facebook, cujo nome é bem peculiar Dois Camelos rsrsrrsrs. Vejam http://www.doiscamelos.com.br quanto maior o números de iniciativas assim melhor para o nosso planeta e para nós apreendermos a desapegar das coisas materiais ou resinificá-las rsrsrss. Muito bom meeeeeeeeesmo!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Na verdade já existe isso em sua proposta rsrsr! Ví agora bacana!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Guilherme Rocha Você pode criar vários outras possibilidades de melhorar a questão de engajamento em sua proposta, como estabelecer rankings para as pessoas que mais trocaram coisa durante mês, semestre, ou ano. E premiá-las com algo tangível ou intangível rsrsrs. Várias possibilidades...

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Fala Marcos,
Eu achei essa rede Um pouco limitada. Eu acho que devemos fazer alguma coisa para incentivar o engajamento pela troca. Esse deve ser o caminho do consumo cooperativo. Por isso que eu acho que o foco de e ser o cadastramento.

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Wow, isso é genial. Eu, pelo menos, devo ter uma porrada de coisas aqui que não uso mais. :D

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Pensei aqui: um bom MVP (minimum viable product) seria: abrir um novo álbum de fotos no seu perfil do FB e nomear "Coisas que não uso mais". Começar a fotografar aquilo que vc não usa e incentivar seus amigos que façam o mesmo. Tenho um palpite que as pessoas vão se divertir ao olhar as coisas dos amigos. E se uma coisa é divertida online, pega como fogo morro acima e água morro abaixo, hehe!! Se vc fizer o álbum, me avisa, que faço o mesmo no meu perfil!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Imagino também que poderia ter algo, como um pequeno leilão... se a pessoa não encontrar o que precisa para troca, pelo menos fica com um troco pra comprar um pãozinho ;) Ou mesmo um sistema de pontos para troca. Exemplo : a mercadoria fica marcada com a Cor Verde então esse valor é o de troca. A vermelha ... e assim por diante. A pessoa vai junta os pontos "coloridos" e dá para trocar por um produto que esteja necessitando. Como uma caderneta de poupança.

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Boa Idéia, vou abrir um albúm para isso, tenho um album exclusivo já, de arte-reciclavel ..... Adicionei também meus produtos no 2 camelos e também refiz a chamada junto com o link dos 2 camelos, para que as pessoas pudessem conhecer também o sistema e ampliar a gama de trocas...

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Genial!!!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

ótima idéia! consumo cooperativo, é isso ai!!!

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Ótima ideía! Vou postar minha esposa! :)

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

legal isso. Nossa familia fez o www.nemluxonemlixo.com.br com esse intuito. Tá até dando um caldo. Vou seguir sua ideia.

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Guilherme, isso é uma ótima ideia! Eu teria 1000 coisas pra cadastrar... Imagino um processo de cadastramento simples, como postar uma foto no FB. Aliás, isso funcionaria muito bem como um FB app.
Será que não existe algo semelhante lá fora, que possa ser usador por aqui??

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

@Guilherme, pensei no Pinterest tbém, mas no Brasil não tem a mesma penetração ainda... Acho que o FB dá mais tração, pela massa crítica que já está lá.

Responder
Picture?type=square
Publicada há mais de 2 anos

Eu vejo o pinterest com um grande potencial para alavancas essa ideia, Bruno! É claro q o FB tb é sensacional! Estou bastante Motivado para tentar levar essa ideia para frente!

Responder